Área de Design de Comunicação | IPCB | Internacional
8038
page-template,page-template-full_width,page-template-full_width-php,page,page-id-8038,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-3.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-6.1,vc_responsive
Mobilidade

Internacional

A

Escola Superior de Artes Aplicadas (ESART) tem uma diversidade de acordos bilaterais assinados com algumas das mais prestigiadas instituições de ensino superior sedeadas de diversos países europeus: Alemanha, Itália, Espanha, Finlândia, Holanda, República Checa, Eslovénia, Eslováquia, Polónia, Turquia, Roménia, em instituições tão prestigiadas como a Bauhaus-Universität Weimar (Alemanha), o Politécnico de Milão, a Università degli Studi di Roma “La Sapienza” (Itália) e que contemplam todas as áreas de formação leccionadas na ESART.

Os acordos de mobilidade permitem aos estudantes dos diversos cursos (1º e 2º ciclo) desfrutarem de uma mobilidade internacional que constitui um marco no seu percurso académico e pessoal, permitindo-lhes adquirir novas competências em diversos domínios.

Os estudantes, em particular os que frequentam o 2º ciclo de formação, têm ainda desfrutado da possibilidade de realização de um estágio em empresas sedeadas no espaço europeu, naquela que se traduz para muitos na sua primeira experiência profissional.

Os estudantes, em particular os que frequentam o 2º ciclo de formação, têm ainda desfrutado da possibilidade de realização de um estágio em empresas sedeadas no espaço europeu, naquela que se traduz para muitos na sua primeira experiência profissional.

Por sua vez, a mobilidade do pessoal docente têm-se traduzido em contatos estreitos com docentes de outras instituições europeias, o que permite a melhoria das relações de cooperação, partilha de metodologias de ensino e de diferentes práticas adotadas, e ainda a realização de projetos internacionais.

O fluxo de mobilidade de estudantes e docentes da ESART, bem como dos estudantes estrangeiros que estudam na ESART e também de docentes estrangeiros que nos visitam, tem vindo a ter um crescimento significativo, fruto de uma política de internacionalização, bem definida pela ESART em articulação permanente com o Gabinete de Relações Internacionais do Instituto Politécnico de Castelo Branco.

Sejam bem-vindos ao Instituto Politécnico de Castelo Branco.

Estágios

Concelho e Cidade

P

rivilegia-se a realização de estágio no segundo ciclo, enquanto atividade de especialização, tendo como finalidade iniciar formalmente os estudantes na prática profissional do design, criando espaço, tempo de produção de saberes e de desenvolvimento de competências, atitudes e valores, bem como facilitar o desenvolvimento de competências básicas, integrando informação, métodos e técnicas necessárias para a resolução de problemas no projeto de design.

O Estágio visa estimular a transformação crítica e criativa dos conhecimentos teóricos e conceptuais em conhecimentos profissionais, mas também incentivar o desenvolvimento de atitudes e valores que conduzam a um desempenho deontologicamente sustentado da profissão.
Os estudantes, em particular os que frequentam o 2º ciclo de formação, têm ainda desfrutado da possibilidade de realização de um estágio em empresas sedeadas no espaço europeu, naquela que se traduz para muitos na sua primeira experiência profissional.

Pretende-se ainda estimular a criação de hábitos de reflexão sobre a prática profissional do design, na perspetiva da compreensão das problemáticas emergentes dos contextos laborais e ainda contribuir para o desenvolvimento de atitudes multidisciplinares e colaboração com os diferentes intervenientes nos processos de design

 

São objetivos do Estágio de Mestrado a aquisição de competências essenciais ao exercício da profissão de designer pelo aluno, ficando apto a integrar o mercado laboral e a desempenhar com eficácia as tarefas que lhe forem confiadas; Interligação de conhecimentos adquiridos pelo aluno que se deve integrar progressivamente nas dinâmicas de planificação, execução e avaliação, procurando a inovação no exercício das suas funções como designer.

Consideram-se ainda como objetivo de estágio a aprendizagem no que diz respeito a selecionar e aplicar as metodologias e técnicas de conceção e investigação úteis aos projetos de Design, bem como o desenvolvimento de tarefas e projetos de design, individualmente e/ou em equipa, o desenvolver uma atitude de permanente investigação na sua atividade, dinamizando métodos, processos, estratégias, e técnicas de projeto, numa perspetiva integrada, informada e atual; Desenvolver uma postura profissional orientada por valores deontológicos e para a formação contínua e especializada.